sábado, 27 de março de 2010

...




Pavor do mundo


com meu corpo padecendo sozinho








A todo instante tua imagem em mim


e


a ausência grita: - Quero ... te quero !




E só...




Um silêncio triste


entre nós...




Por que?






Se te gosto tanto...






Rejane Tach





2 comentários:

Carlos Alberto disse...

Coisas do amor inexplicáveis, mas quem ama de verdade sofre, não por amar, mas por ser amado com a mesma intensidade q se ama e o corpo clama a presença do outro, por isso a lembrança! Pra que resistir, porque?
Quando que oq mais se quer é estar juntos!

Bjo!

Ca

Inveja boa disse...

NEM SEMPRE QUEREMOS ESTAR JUNTOS DAQUELES QUE NÃO SAEM DA NOSSA FRENTE!!!!